terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

A TV Globo e o travesti cheio de vontades

Quando achei que a TV Globo já havia ultrapassado o limite do ridículo, eis que a emissora de maior audiência do país consegue mais uma vez se superar. A última bizarrice que tive o desprazer de assistir foi essa: “Senhora se escandaliza com Travesti em banheiro feminino.” 

Entendamos o caso: Cartunista, pai de dois filhos, Laerte, há pouco mais de um ano se "descobriu" travesti e por isso, se sente agora no direito de usar o banheiro feminino. Impressionante! Uma senhora que não tem nada a ver com a sandice do cartunista, se escandalizou com o fato e reclamou com o proprietário do estabelecimento que usando do bom senso, prontamente repreendeu Laerte pela falta de decoro. Esses são os fatos.

Agora vejam o enfoque da Globo no Bom Dia Brasil. Primeiro não entrevistaram a senhora, nem o dono do reaturante. Não sei dizer se tentaram ou não entrevistá-los porque a Globo não passou essa informação no telejornal. Parcialidade total, disfarçada de neutralidade (é a Globo de sempre). Depois, ao abordarem o cara-de-pau do Laerte o envolveram com uma aura de coitadinho, como se tivesse sido vítima do mais vil preconceito. Deu nojo.

O que a Globo quer na verdade é impor uma nova visão de mundo em que o homossexualismo e suas vertentes sejam encarados pela população como algo normal e aceitável. E que qualquer um que se oponha a esse estilo antinatural de vida, seja tachado de preconceituoso e no dizer deles: homofóbico. 

Podem me chamar do que quiser, graças à Deus, deixei de me preocupar com rótulos há muito tempo, seguindo minha religião e a minha consciência consigo agradar alguns e ao mesmo tempo desagradar um montão de gente, mas sigo feliz, sem divisões interiores. 

Parabéns á senhorinha e ao proprietário do restaurante. Estou com vocês, e não vai ser a Rede Globo com seus contra valores e pressões midiáticas que irão me fazer pensar diferente. Tá dado o recado.

Luciano Perim Almeida
Iúna/ES

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja respeitoso.